Home / Modalidades / andebol / Estatisticamente, sabe o que é mais importaste para uma equipa TREINAR para alcançar o sucesso?

Estatisticamente, sabe o que é mais importaste para uma equipa TREINAR para alcançar o sucesso?

Para se analisar a eficiência de um jogo de andebol é necessário medir a performance individual, as cargas físicas, as soluções táticas, o talentos e a tomada de decisão dos treinadores. Tudo isto, dentro de uma “estrutura de equipa” fluída. Mas, como todos sabemos, nem sempre as equipas jogam bem! E há estatisticamente indicadores situações de jogo, onde acontecem mais erros.

No estudo de W. Ferrari que menciona o trabalho de V. Gummersbach* e colegas após analise do campeonato alemão e da análise das diversas variáveis do aspeto ofensivo e defensivo, concluiu que:

é necessário treinar mais a primeira parte do ataque ofensivo o contra-ataque, onde se vê 30% dos erros das equipas. Também existe a necessidade de trabalhar o jogo de 4-2 para que as equipas tenham um maior recurso tático coletivo, foi observado um excessivo número de cruzamentos de 56,9%, por cada posse de bola, indicando que os jogadores necessitem realizar uma maior movimentação sem a bola.

O que pensam os treinadores?

Os treinadores, no entanto, têm outra opinião. No mesmo estudo acima mencionado, após sondagem dos tecnicos europeus, eles  elegeram como mais prioritárias e como variáveis mais representativas: a ação do guarda-redes (100%); o remate (89%); a defesa (89%); o ataque em superioridade numérica (78%); as assistências (78%); e o jogo em desigualdade numérica (67%).

Não correspondendo, exatamente, a percepção com a realidade. Melhorar a recolha de informação é melhorar o jogo

* W. Ferrari “ANÁLISE DO PROCESSO OFENSIVO NO ANDEBOL”, tese de Mestrado para a Universidade de Coimbra

 

Conheça a Nossa Revista Desporto&Esport
A versão total são 200 páginas, 100% conteúdo e sem publicidade

ou

x

Check Also

Suplementos para jogadores de Andebol

Facebook Twitter LinkedIn Reddit WhatsAppPara entrar em forma física e ter uma ...