Home / Modalidades / Ciclismo / CICLISMO – O alongamento imprescindível

CICLISMO – O alongamento imprescindível

O principal inconveniente do ciclismo (amador) é o constante trabalho do psoas na pedalada, o que pode aumentar o tónus muscular, embora não afete a ação de pedalar, mas influi de forma negativa na postura.

Se és ciclista podes utilizar alguns dos exercícios para alongar os flexores da anca, mas, pensando num exercício mais avançado e com uma maior transferência, é muito recomendável incluir o agachamento búlgaro. Embora possa parecer um exercício de força (e é…), o certo é que consegue um alongamento excêntrico muito efetivo para os flexores da anca. O resultado é um exercício “dois em um”: por um lado melhora a força ao implicar o glúteo maior num movimento dominante do quadril, muito similar ao utilizado no ato de pedalar, e, por outro, acrescenta mobilidade ao quadril.

Alongamento Búlgaro

O agachamento búlgaro, ao ter a perna de trás elevada, consegue alongar não só o psoas, mas também o reto anterior do quadricípete. Para dar ênfase ao alongamento, procura não avançar o corpo, mas descer, aproximando o joelho de trás do solo.

Conheça a Nossa Revista Desporto&Esport
A versão total são 200 páginas, 100% conteúdo e sem publicidade

ou

x

Check Also

4 Super Regras dos profissionais para não treinares até à exaustão!

Facebook Twitter LinkedIn Reddit WhatsApp01. Treina por sensações Para alcançar marcas devemos ...